Maio 2020

Relatório Anual Exercício de 2019

Nossa responsabilidade é grande! Encerramos o exercício de 2019 com um patrimônio total de R$ 968,8 milhões!




Informe aos Participantes
Valor da Cota - CODEPREV

Prezado (a) Participante,

Há uma crise mundial provocada pela COVID-19, que além de afetar a nossa rotina diária gerou uma turbulência nos mercados internos e externos. É importante lembrar que todos os mercados são voláteis e que nesses últimos 6 anos de existência do Codeprev, não obstante os cenários desafiadores, o retorno dos investimentos tem sido muito acima da taxa referencial (INPC + 3,5% a.a.), como exemplo cito o ano de 2019 onde o rendimento acumulado no ano foi 23,47%. É importante esclarecer que o valor da cota do plano CD possui variação mensal, que ocorre conforme o retorno obtido pelas variações nos preços dos ativos financeiros da carteira de investimento do Plano. Valores negativos que porventura venham a ser observados no extrato são decorrentes do atual cenário e essa “perda” só é concretizada em caso de resgate dos recursos no momento de desvalorização da cota. Os recursos do Plano CD estão predominantemente alocados no segmento de renda fixa, contudo, no atual cenário até os títulos públicos, considerados ativos mais seguros, foram impactados. Cabe lembrar que o plano de previdência tem um horizonte de investimento de médio a longo prazo, o que significa que, ao longo do tempo, essas desvalorizações pontuais tendem a suavizar. A diretoria da São Francisco está acompanhando com atenção os desdobramentos da crise de forma a atuar e realizar os ajustes necessários de forma responsável e transparente, sem perder a visão de longo prazo que caracteriza um plano de previdência.

Se você ainda não leu o “Comunicado aos participantes”, publicado neste site em 23/04/2020, é importante que leia. O texto trata do atual momento da economia mundial contextualizando a performance do Codeprev em relação a outros planos de previdência privada oferecidos pelo mercado e mostra como que a estratégia adotada pela São Francisco de diversificação dos ativos se mostrou a mais correta ao diminuir o impacto das perdas e preservar a capacidade de pagamento dos benefícios contratados.

Abril 2020

Prezado (a) Participante,

Em razão da crise provocada pela Covid-19, a Fundação São Francisco tem sido procurada por participantes assistidos buscando informações sobre a possibilidade de antecipação do pagamento do benefício do Abono Anual (13º).

Sobre o assunto a São Francisco informa que está mantida a programação do pagamento, a título de adiantamento, de 50% do valor do abono anual, para o mês de junho, para os assistidos dos Planos BD I e Saldado. Esclarecemos que a instituição está impossibilitada de antecipar o cronograma de pagamento do abono anual tendo em vista que os recursos que farão face a essa despesa encontram-se alocados em investimentos que seguem uma programação específica, de forma que o resgate nesse momento acarretará perdas significativas.




Prezado (a) Participante,

Algumas colocações sobre a atual crise mundial provocada pela COVID-19, porém, inicialmente, nossa intenção é: desejar a você e familiares muita saúde e tranquilizá-lo quanto à preservação do seu benefício no presente e no futuro.

O ano de 2019 registrou um excelente retorno dos investimentos. As carteiras dos Planos obtiveram rendimentos bem superiores as metas atuariais, não obstante os cenários desafiadores. Com a queda nas taxas de juros foi necessário promover mudanças nas políticas de investimentos visando buscar maior diversificação dos ativos.

Em síntese os Planos de Benefícios administrados pela Fundação São Francisco apresentaram os seguintes resultados consolidados no ano de 2019:


Seja em qual plano você estiver vinculado, a notícia que temos é que a desvalorização dos ativos foi considerável, mas não antevemos qualquer problema que indique, hoje, a necessidade de ajustes no curto prazo.

Leia o Comunicado Completo  



Prezado (a) Participante,

O Relatório Gerencial anual tem por objetivo atender as disposições constantes da Resolução CGPC nº 23, de 06 de dezembro de 2006 quanto a divulgação, acompanhamento, avaliação e prestação de contas da Diretoria Executiva da São Francisco à Patrocinadora, aos Conselhos Deliberativo e Fiscal e aos participantes ativos e assistidos dos Planos de Benefícios.

Leia o Relatório Completo  

Março 2020

Eleições 2020

Sr. (a) Participante, Aposentado (a) e/ou pensionista, A Comissão Eleitoral comunica que em virtude das medidas restritivas adotadas pelos Governo Federal, Estadual e Municipal visando o combate ao coronavírus (covid-19), foi prorrogado o prazo para votação e escolha de 2 (dois) membros para o Conselho Deliberativo e 1 (um) membro para o Conselho Fiscal da Fundação São Francisco.

Assim, o período de votação para a escolha dos candidatos para os Conselhos Deliberativo e Fiscal se estenderá até o dia 10/06/2020, sem prejuízo às demais etapas previstas no cronograma eleitoral.

Lembramos que o sistema de votação poderá ser acessado pelo link que foi enviado por e-mail, ou através do site da São Francisco.

Para dirimir qualquer dúvida entre em contato conosco pelo e-mail: comissaoeleitoral2020@franweb.com.br.

 



Investimentos dos Planos

A turbulência dos mercados internos, como também externos, são decorrentes de acontecimentos mundiais, os quais geram o momento de grande instabilidade vivido nestas últimas semanas.

Todos os mercados são voláteis, sem exceção, entretanto, aqueles de maior liquidez normalmente antecipam os acontecimentos, tendo variações maiores que a razão poderia prever. Pode-se utilizar a frase popular que define o “bolso” como a parte mais sensível do corpo, e assim sendo, se a análise indica algo bom, a ambição espera sempre mais, ao contrário, se for ruim, bem, “farinha pouco meu pirão primeiro”.

O mundo ficou mais pobre, isso mesmo, todo o mundo. A riqueza dos poupadores foi reduzida de forma global e abrupta. Alguns escritores criaram livros de ficção tentando identificar uma possível ocorrência de contágio de todas as economias e nações (para quem aprecia, recomendo a leitura do livro escrito por Ivan Sant'Anna, nascido no Rio de Janeiro, 1940, sob o título Os mercadores da noite, (BM&F, 1996; Rocco, 1997; Sextante, 2008, Arqueiro, 2015, Inversa 2017), talvez o que se viu nesta semana foi uma história a ser contada nos futuros livros como um marco do século XXI.

Leia o Comunicado Completo  



Eleições 2020

Sr. (a) Participante, Aposentado (a) e/ou pensionista, Conforme vem sendo noticiado ocorrerá eleição para o Conselho Deliberativo e Fiscal da Fundação São Francisco. Na ocasião serão escolhidos dois membros para o Conselho Deliberativo e um para o Conselho Fiscal.

Pela primeira vez a escolha dos Conselheiros ocorrerá somente por meio de votação eletrônica em sistema disponibilizado na página eletrônica (site) da Fundação São Francisco

O primeiro acesso ao sistema deverá ocorrer com a senha provisória que a São Francisco encaminhará no dia 17/03/2020, para o e-mail de Vossa Senhoria, cadastrado nesta instituição, cuja senha provisória deverá ser alterada para a sua senha pessoal.

O sistema de votação poderá também ser acessado por meio do link que será enviado juntamente com a senha provisória.

A votação ocorrerá entre os dias 18 e 25 de março próximo e os nomes dos candidatos já se encontram disponíveis no site, para consulta.

NÃO DEIXE DE VOTAR E EXERCER O SEU DIREITO COMO PARTICIPANTE, ASSISTIDO OU PENSIONISTA DA SÃO FRANCISCO.

Para dirimir qualquer dúvida entre em contato conosco pelo e-mail: comissaoeleitoral2020@franweb.com.br.

 



Investimentos dos Planos - Coronavírus

Em novembro/2019 a São Francisco finalizou o cenário prospectivo que embasou o planejamento de investimento dos planos de benefícios BD, Codeprev e Saldado. Naquele momento a bolsa de valores se encontrava em 108.233 pontos e os estudos apontavam que ao final do exercício de 2020 haveria um crescimento da ordem de 15,45%, ou seja, a previsão de fechamento do índice Bovespa para 2020 seria de 124.955 pontos.

Hoje, 06/03/2020, o jornal Valor, no caderno Valor Investe, estampa em sua manchete: - “Coronavírus: Analistas cortam projeção do Ibovespa em 5 mil pontos, em média.” Consta da matéria, o quadro abaixo, que apresenta a comparação entre o que era esperado no final de 2019 e a nova projeção a partir do Coronavírus.


É importante destacar o cuidado da São Francisco em construir o cenário prospectivo, em novembro/2019, de forma conservadora dentro das hipóteses viáveis. O resultado é que a base de formação das Políticas de Investimentos dos Planos de Benefícios se mostrou perfeitamente adequada, não havendo a necessidade de se promover, agora, a sua revisão.

Aliás, essa foi a conclusão, ontem, na reunião da Comissão de Risco da Fundação São Francisco. Na manhã de hoje, a informação do citado jornal, vem ratificar a decisão tomada quanto a desnecessidade de se promover a revisão dos estudos que posicionaram a atuação estratégica dos investimentos.

Manifestamos nossa confiança em nossos estudos e a expectativa de que os resultados previstos serão alcançados.

Fevereiro 2020

Comprovante de Rendimentos 2020

Prezado (a) participante, Informamos que o Comprovante de Rendimentos para fins de Declaração do Imposto sobre a Renda, ano-calendário 2019, encontra-se disponível no Portal do Participante ou pelo dispositivo móvel (celular ou tablet) usando o aplicativo nos formatos IOS e Android.

Janeiro 2020

Edital da Convocação - AVISO

O Diretor-Superintendente da Fundação São Francisco de Seguridade Social — SÃO FRANCISCO, em cumprimento ao disposto na Lei Complementar n° 108, de 29 de maio de 2001, e no Estatuto da Fundação, faz saber que no período de 20/01 a 31/01/2020 estarão abertas as inscrições de candidatos para as eleições de 02(dois) representantes dos Participantes Ativos e Assistidos para o Conselho Deliberativo e de 01(um) representante dos Participantes Ativos e Assistidos para o Conselho Fiscal.

Poderão concorrer todos os Participantes Ativos e Assistidos da SÃO FRANCISCO em gozo de seus direitos estatutários, nos termos do Edital de Convocação e do Regulamento Eleitoral.

O Edital de Convocação, o Regulamento Eleitoral e os modelos declarações e requerimento de inscrição de candidatos, encontram-se à disposição dos interessados no site da FUNDAÇÃO SÃO FRANCISCO no link abaixo.

 

Dezembro 2019

Prezado (a) Participante

O Relatório Gerencial trimestral é um mecanismo de acompanhamento, avaliação e prestação de contas da Diretoria Executiva da Fundação São Francisco aos membros dos Conselhos Deliberativo e Fiscal e aos participantes ativos e assistidos dos Planos de Benefícios.

Em consonância com os princípios e práticas de governança estabelecidos na legislação pertinente o relatório foi estruturado de forma a demonstrar os resultados alcançados no 3º Trimestre de 2019, inclusive de forma comparativa com exercícios anteriores.

Visando facilitar o entendimento e num esforço de visualizar tendências e eventuais desvios em relação as metas, foram construídos indicadores, de forma a proporcionar aos responsáveis meios de avaliar as expectativas e resultados esperados.

Este relatório gerencial trimestral visa atender ainda os determinantes da Resolução CGPC Nº 13, de 01/10/04, em especial os seguintes:

Art. 7º: A estrutura organizacional deve permitir o fluxo das informações entre os vários níveis de gestão e adequado nível de supervisão.

Parágrafo único. A EFPC deve manter estrutura suficiente para administrar seus planos de benefícios, evitando desperdícios de qualquer natureza ou a prática de custos incompatíveis.

Art. 16. Observado o disposto em normas específicas, as políticas de investimento, as premissas e hipóteses atuariais estabelecidas para períodos de tempo determinados devem ser divulgadas aos patrocinadores, instituidores e empregados da EFPC e aos participantes e assistidos dos planos de benefícios, de modo a propiciar o empenho de todos para a realização dos objetivos estabelecidos.

§ 1º O orçamento da EFPC, segregado por plano de benefícios, deve ser elaborado considerando as especificidades de cada plano.

Art. 17. Sem prejuízo do disposto em normas específicas, a comunicação com os participantes e assistidos deve ser em linguagem clara e acessível, utilizando-se de meios apropriados, com informações circunstanciadas sobre a saúde financeira e atuarial do plano, os custos incorridos e os objetivos traçados, bem como, sempre que solicitado pelos interessados, sobre a situação individual perante o plano de benefícios de que participam.

Parágrafo único. A divulgação dos custos a que se refere o caput deve abranger os gastos referentes à gestão de carteiras, custódia, corretagens pagas, acompanhamento da política de investimentos, consultorias, honorários advocatícios, auditorias, avaliações atuariais e outras despesas relevantes.

O conteúdo do Relatório Gerencial permite aos Conselhos e participantes o acompanhamento periódico das atividades e resultados da entidade, Planos de Benefícios e por fim confronta as realizações com as projeções orçamentárias.

Verifica-se alterações significativas nos dados cadastrais dos Planos de Benefícios em razão do Programa de Desligamento Incentivado em curso na principal patrocinadora.

O Relatório Gerencial está estruturado da seguinte forma: (i) Apresentação; (ii) Aspectos Gerais; (iii) Os Planos de Benefícios: I/BD; Plano II/CD-Codeprev e Plano III - Saldado; e, (iv) Plano de Gestão Administrativa-PGA.

O PLANO DE BENEFÍCIOS I (BD I) fechou o 3º Trimestre de 2019 com 571 aposentados e 256 pensionistas. No trimestre, a rentabilidade obtida foi de 3,02%, e no acumulado do ano 14,28%, contra uma meta atuarial registrada no período (INPC com defasagem + 4,90% a.a.), que atingiu 6,58% a.a, é possível verificar um bom desempenho dos investimentos permitiu superar as metas em 7,70%. A queda das taxas dos títulos públicos, fundamentalmente no estoque de títulos marcados a “Mercado”, impulsionou os preços em alta pronunciada, que ajudado pela alta do mercado acionário, constituem as razões na obtenção do resultado consolidado do plano.

O PLANO DE BENEFÍCIOS II (CODEPREV), plano de contribuição definida, aberto a novas adesões, encerrou o 3º Trimestre de 2019 com 978 participantes ativos e 2 assistidos. No trimestre, a rentabilidade obtida foi de 3,84%, e no acumulado do ano de 18,19%, contra uma Taxa Indicativa do período (INPC do mês +3,50% a.a.), de 5,61% a.a., apresentando um desempenho acima da Taxa Indicativa de 12,58 pontos-base. Assim como no plano BDI, a queda das taxas dos títulos públicos, todos marcados a “Mercado”, impulsionaram os preços em alta pronunciada, que ajudado pela alta do mercado acionário, constituem as razões na obtenção do resultado consolidado do plano.

O PLANO DE BENEFÍCIOS III (Plano Saldado), encerrou o 3º Trimestre de 2019 com 256 participantes ativos, 53 aposentados e 4 pensionistas. A rentabilidade do Plano registrada no 3º trimestre de 2019 foi de 2,64% e no acumulado do ano de 11,55%, contra uma meta atuarial registrada no período (INPC com defasagem + 4,90% a.a.), de 6,58% a.a, o desempenho dos investimentos ficou acima do mínimo atuarial em 4,97 pontos-base. Tal como ocorreu nos demais planos, a queda das taxas dos títulos públicos, fundamentalmente no estoque de títulos marcados a “Mercado”, impulsionou os preços em alta pronunciada, que ajudado pela alta do mercado acionário, constituem as razões na obtenção do resultado consolidado do plano.

Por fim o PLANO DE GESTÃO ADMINISTRATIVA (PGA), obteve uma rentabilidade no 3º trimestre de 2019 de 3,31% e no acumulado do ano de 15,02%, contra uma taxa de referência registrada no período (INPC do mês +4,90% a.a.), de 6,80% a.a, o desempenho dos investimentos ficou acima do mínimo referencial em 8,22 pontos-base. Mais uma vez, como ocorreu nos demais planos, o motivo foi a queda das taxas dos títulos públicos, todos marcados a “Mercado”.

Visando enfrentar os desafios atuais e futuros a São Francisco tem se empenhado em qualificar sua reduzida força de trabalho, investir em recursos tecnológicos e adotar práticas de administração e gestão que contribuam com a sustentabilidade e o conhecimento dos riscos do seu negócio. Para tanto foi assinado em 30 de setembro, contrato com a JCM Consultores para auxiliar na elaboração do seu Planejamento Estratégico, Mapeamento dos Principais Processos de Trabalho e Elaboração da Matriz de Riscos.

O acompanhamento do custeio demonstrou que o total arrecadado, incluindo aí também, os rendimentos obtidos pelas aplicações financeiras do próprio PGA, foram suficientes para cobrirem todos os gastos, e ainda, geraram sobras no terceiro trimestre equivalente a 3,12% das receitas. Conforme prevê a legislação, as sobras foram destinadas à constituição do Fundo Administrativo, que assim foi distribuído segundo os planos: constituição de R$ 54.936,54 no BD; constituição de R$ 68.747,21 no CODEPREV e constituição de R$ 62.557,79 no SALDADO.

A Diretoria Executiva e os Conselhos Deliberativo e Fiscal da Fundação São Francisco, empenhados em assegurar o fiel cumprimento dos compromissos previdenciários que marcaram a trajetória de 33 anos de existência desta instituição, desejam a todos uma ótima leitura!

Leia o Relatório Completo  



As novidades não param de chegar!

Apresentamos o APP da São Francisco. Agora você pode acessar o Portal pelo dispositivo móvel (celular e tablet) usando o aplicativo nos formatos IOS e Android para consultar suas informações cadastrais, acompanhar seu extrato de contribuições, saldo de conta, valor do benefício atualizado, contracheque (aposentados e pensionistas) e muito mais...
Baixe já o aplicativo!
Google Play Apple Store
Em breve, outras inovações e facilidades serão apresentadas.

Novembro 2019

Investimentos

Prezado(a) participante,

Dados dos relatórios da Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar (Abrapp) e da Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc), apontam que o segmento obteve índice de solvência de 100% ao final do primeiro semestre de 2019, destacando que a boa rentabilidade alcançada pelas Entidades Fechadas de Previdência Complementar (EFPCs) foi proporcionada pelos títulos públicos em carteira, adquiridos anteriormente a queda das taxas de juros e, também aos bons resultados do segmento de renda variável.

No gráfico abaixo, já apresentado por diversas oportunidades nos Relatórios Anuais, é possível constatar que desde 1994 os investimentos dos Planos Benefícios Definidos (BD I e BD Saldado) da SÃO FRANCISCO superaram a meta atuarial, não obstante os cenários técnicos e econômicos desafiadores, tais como: inflação alta; instabilidade da moeda; oscilações do PIB em ciclos alternados; além de ajustes estruturais do Plano realizados paulatinamente e de forma gradual, etc.


Outubro 2019

Inovação na Governança

Prezado(a) participante,

A Fundação São Francisco tem buscado promover o aperfeiçoamento da governança ao longo de sua história. Em mais um esforço de melhorar as práticas de gestão, transparência, atender recomendações dos órgãos reguladores e dar cumprimento à sua relevante missão junto aos seus participantes. Nesse sentido comunica a todos que foi contratada a empresa JCM Consultores para: (i) auxiliar na construção do seu Plano Estratégico para os próximos 4 (quatro) anos; (ii) mapear e documentar os principais processos de negócio; e, (iii) identificar e avaliar os pontos de controle dos riscos corporativos a que estão submetidos os processos internos da gestão administrativa previdenciária e de investimentos.



INPC x Poupança x PGBL x Codeprev

Prezado(a) colaborador(a),

A CODEVASF oferece a você um Plano de Previdência Complementar que se chama Codeprev, cujo objetivo maior é o de contribuir para que o seu futuro seja de sucesso. Segundo Mahatma Gandhi “o futuro dependerá daquilo que fazemos no presente”.

As incertezas em relação ao futuro da previdência social no Brasil e o baixo valor do benefício pago pelo INSS apontam para a realidade de que muita gente não terá uma qualidade de vida digna ao contar apenas com a renda do INSS, mesmo após anos de trabalho dedicado e de contribuição.

O Codeprev foi criado em novembro/2013, hoje conta com 978 participantes e patrimônio de 153 milhões. É um plano de previdência que está estruturado de forma simples, no qual o empregado ao aderir fará contribuições mensais e a Codevasf sua vez contribuirá com o mesmo valor até o limite de 8% da remuneração individual do empregado. As contribuições são depositadas em contas individualizadas, que capitalizadas, formarão reservas para pagamento de benefício futuro.

A pergunta recorrente é quanto a rentabilidade obtida, ou seja, ela é vantajosa comparativamente a outros investimentos disponíveis no mercado? Para os que já são participantes do Plano é possível acompanhar a evolução da sua poupança previdenciária, via portal ou informes divulgados no site da São Francisco. O extrato é on line e pode ser acessado facilmente.

Para você, que ainda não é participante, a São Francisco preparou um gráfico demonstrativo da rentabilidade líquida do Codeprev em comparação com inflação medida pelo INPC do IBGE, Poupança e PGBL médio dos 10 melhores fundos oferecidos no Brasil considerando os últimos 12 meses, a saber, de julho/2018 a junho/2019.

Veja o resultado e tire as suas próprias conclusões.


Conheça em detalhes todas as vantagens e benefícios que esse plano de previdência complementar pode lhe procionar lendo a cartilha do CODEPREV, disponível no link abaixo.

Setembro 2019

Alteração do Percentual de Participação 2019

Prezado (a) participante do CODEPREV,

Lembramos que conforme o disposto no parágrafo primeiro, do artigo 57, do Regulamento do Plano de Benefícios II (CODEPREV), você poderá alterar o percentual de contribuição mensal para o CODEPREV até 30 de novembro de 2019, para vigorar a partir de 1º de janeiro de 2020.

A participação da CODEVASF no benefício é equivalente ao ate feito pelo empregado até o limite de 8% (oito cento) da remuneração individual, ou seja, para cada R$ 1,00 que você depositar no plano a CODEVASF colocará também outro R$ 1,00, motivo pelo qual os financistas entendem que vale a pena fazer a contribuição máxima ao Plano.

Você poderá atar um percentual superior a 8% (oito cento) de sua remuneração, entretanto a CODEVASF estará impossibilitada legalmente de acompanhar. As contribuições realizadas ao CODEPREV têm ainda a vantagem de serem dedutíveis na base de cálculo do imposto de renda mensal e anual, a última desde que utilize a declaração completa.

O futuro é logo ali. Planejar o futuro é fundamental. Só assim é possível garantir melhores condições para o amanhã e, para tanto, é preciso estar sensível à necessidade de se poupar.

Agosto 2019

Conheça o Portal do Participante

Suas principais informações em um só lugar! Saldo acumulado, valor do benefício saldado atualizado, suas contribuições e também da patrocinadora, rendimento do plano e muito mais...
Assista ao vídeo e confira as novidades.

Acesse abaixo o portal em versão web

Maio 2019

Relatório Anual Exercício de 2018

Nossa responsabilidade é grande! Encerramos o exercício de 2018 com um patrimônio total de R$ 838,9 milhões!